Mostrando postagens com marcador Boeing. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Boeing. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 6 de junho de 2024

Starliner, da Boeing, se acopla à estação espacial após problemas no propulsor

A nave Starliner, da Boeing, conseguiu se acoplar à Estação Espacial Internacional (ISS) após enfrentar problemas com o sistema de propulsão. Este é um marco importante, pois é a primeira vez que a Starliner transporta tripulantes ao espaço.

A cápsula Boeing Starliner se prepara para atracar com a Estação Espacial Internacional.
A cápsula Boeing Starliner se prepara para atracar com a Estação Espacial Internacional. NASA

O acoplamento ocorreu às 17h34 GMT (14h34 de Brasília), aproximadamente uma hora e vinte minutos depois do horário programado. Inicialmente, a acoplagem deveria ter ocorrido por volta das 13h15, mas um problema que fez cinco dos 28 propulsores do módulo falharem, adiou o prosseguimento da missão. A equipe, no entanto, trabalhou para corrigir o problema e a dupla de astronautas se juntou à ISS com sucesso.

quarta-feira, 5 de junho de 2024

Starliner, da Boeing, lança astronautas pela primeira vez em decolagem histórica

Após múltiplos adiamentos, o primeiro lançamento da Starliner representa um marco significativo para os voos espaciais tripulados dos Estados Unidos.

Lançamento do primeiro voo tripulado da Starliner.
Lançamento do primeiro voo tripulado da Starliner (Boeing) em 5/06/2024.

A Starliner, o novo veículo espacial da Boeing para a NASA, foi lançado ao espaço hoje (5 de junho) do Complexo de Lançamento 41 na Estação da Força Espacial de Cabo Canaveral, marcando um significativo avanço após quase duas décadas de desenvolvimento.

segunda-feira, 3 de junho de 2024

Starliner, da Boeing, tem mais duas chances nesta semana de fazer seu primeiro voo tripulado

Após o cancelamento do lançamento da primeira missão tripulada Starliner no sábado, a NASA, a Boeing e a United Launch Alliance (ULA) optaram por aguardar alguns dias antes de tentar novamente. A Starliner estava agendada para decolar no sábado à tarde, após vários adiamentos, mas a missão foi interrompida devido a um problema de última hora com um sistema de computador terrestre essencial para o lançamento do foguete. A NASA e seus parceiros consideraram a possibilidade de lançamento após avaliar o problema, mas decidiram postergar para as próximas janelas de lançamento, nos dias 5 ou 6 de junho.

Starliner na plataforma de lançamento
Starliner na plataforma de lançamento

O adiamento do lançamento de sábado não ocorreu por falhas na própria nave Starliner, mas devido a um bloqueio automático acionado pelo sequenciador de lançamento terrestre, cuja causa era inicialmente desconhecida. Tory Bruno, presidente e CEO da ULA, esclareceu em uma coletiva de imprensa que o problema estava na verificação de redundância do sequenciador. O sistema conta com três grandes computadores, todos idênticos, proporcionando uma redundância tripla. Um dos computadores apresentou lentidão durante a verificação de integridade nos minutos finais antes do lançamento, resultando em uma paralisação automática.

A NASA informou que a decisão de desistir da tentativa de lançamento de sábado foi tomada para permitir tempo adicional à equipe para avaliar um problema com o equipamento de suporte terrestre. A próxima janela de lançamento está programada para 5 de junho, embora o horário exato ainda não tenha sido divulgado. Caso a Starliner não seja lançada até 6 de junho, o evento será adiado por pelo menos mais 10 dias, devido à necessidade da equipe da ULA de substituir as baterias do foguete Atlas V.